bootstrap modal

Devocionais para Líderes

"Querendo o aperfeiçoamento dos santos!" (Efésios 4.12)

12 Práticas de pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis.

“pastoreai o rebanho de Deus que está sob vosso cuidado, não por constrangimento, mas voluntariamente, como Deus quer; nem por sórdida ganância, mas de boa vontade;”. (1 Pedro 5.2)

1. Pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis tem prioridades adequadas.

- Eles colocam Deus em primeiro, Família em segundo lugar, e a Igreja em terceiro lugar. Eles se recusam a sacrificar sua família no altar do aumento do comparecimento à igreja. 

2. Pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis são pessoas de oração.

- Eles dedicam tempo específico todos os dias para estudar a Bíblia e ouvir Deus. Eles têm disciplinas espirituais. E quando estão no púlpito no domingo, suas congregações intuitivamente sabem que Ele está com tempo para Deus e tinham uma palavra para suas vidas. Isso leva ao meu próximo ponto. 

3. Pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis são pregadores, não comunicadores.

- Isso será controverso, mas é verdade. Eu sei que para muitas pessoas esse termo não é negativo, mas os comunicadores tendem apenas a comentar sobre um versículo da Bíblia. Os pregadores têm uma mensagem de Deus para dar as pessoas em certas questões que afetam suas vidas. Para que um ministério seja duradouro é preciso que haja pregação, e não apenas informação e comunicação. 

4. Pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis estão dispostos a mudar.  

- Você nunca deve mudar seus valores fundamentais ou compromisso com a verdade bíblica, mas sempre deve estar disposto a mudar o método de como serve no ministério. 

5. Pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis comemoram a santidade pessoal mais do que as liberdades pessoais.  

- Deus honra a santidade pessoal. 

6. Pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis têm uma paixão profunda pelos perdidos.

- Eles estão mais comprometidos com a mudança de vida e a transformação dos membros do que a estrutura do ministério. Em outras palavras pessoas estão em primeiro lugar. 

7. Pastores cujas igrejas mantem a saúde e o crescimento mostram piedade para os outros.

- A definição de piedade é "o sentimento de tristeza e compaixão causada pelo sofrimento e infortúnios dos outros". Há pessoas que precisam de um pastor, e não de um outro irmão. Os pastores compassivos têm corações que sensíveis as condições dos outros. Eles choram com os que choram. 

8. Pastores cujas igrejas mantem a saúde e o crescimento tem proximidade.

- Um bom pastor cheira a sua ovelha. Eles estão sempre ao redor de seus líderes e ovelhas. Os bons pastores são acessíveis. A proximidade mantém o pessoal trabalhando duro e responsável.  

9. Pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis está dedicado ao crescimento pessoal.

- Mais uma vez, as igrejas crescentes são lideradas por líderes em crescimento. Eles estão profundamente empenhados em crescer espiritualmente e nas áreas de caráter, competência, conhecimento e criatividade. 

10. Pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis são pessoas de amor.

- As pessoas são o único bem apreciável que sua igreja tem. Tudo se deprecia. Jesus pensou em tantas pessoas que Ele estava disposto a morrer por elas.  

11. Pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis têm um plano.

- Eles têm uma visão e um plano de Deus para realizar. Além disso, uma falta de planejamento já é uma falha. 

12. E o mais importante: Pastores cujas igrejas têm saúde e crescimento sustentáveis têm um relacionamento íntimo com Espírito Santo.

– Pois reconhecem que sem a direção e o poder do Espírito Santo eles nada podem fazer. 

----------------------

-xxx-

----------------------

10 Coisas que pastores de bom animo fazem

"Por isso, esforcemo-nos em promover tudo quanto conduz à paz e ao aperfeiçoamento mútuo". (Rm 14:19)

1. Eles veem o melhor dos crentes. Eles não ignoram as pessoas problemáticas, mas eles se recusam a se deixar sarcásticos ou críticos.

2. Eles "cantam" mesmo quando o ministério está difícil. Mesmo nos dias mais difíceis, eles podem cantar as boas notícias. 

3. Eles veem dificuldades como um momento de aprendizagem. Eles não fingem que a dor não doi, mas confiam em que Deus o usará para a Sua glória.

4. Eles equipam os membros da equipe. Em vez de se queixar de pessoal improdutivo, eles primeiro passam o tempo caminhando com eles, treinando-os e responsabilizando-os.

5. Eles ajudam a construir equipes saudáveis. Isso significa que esses pastores gastam tempo para alistar e equipar líderes.

6. Eles fazem amizade com membros da igreja. Eles não apenas pastoreiam a congregação deles; eles realmente gostam de estar com eles.

7. Eles acreditam e aceitam o perdão de Deus. Esses pastores não deixam que seu pecado perdoado de ontem assombre sua vida hoje.

8. Eles assumem a responsabilidade pela sua atitude. Ou seja, esses pastores têm bom animo porque eles escolhem ter bom animo.

9. Eles acreditam na igreja. Não importa o quão complicado esteja a igreja, eles ainda acreditam que a igreja é o veículo de Deus para fazer a Grande Comissão.


E o mais importante:

10. Eles oram muito. Parece que quando você transforma tudo para Deus em oração, é mais fácil ter bom animo.

O que você acrescentaria a esta lista?